[NOVO SITE] Blog Home

Blog da CRM

Dicas e tendências do mercado educacional, tecnologia e gestão de leads

Deixe seu contato e receba nossas novidades diretamente no seu e-mail.

Que a educação está mudando mais rápido do que nunca, nós já sabemos. Adaptações, imprevistos, replanejamento e transformações são as palavras que marcam o novo modelo de funcionamento do mercado educacional.  A educação já vinha avançando nos últimos anos. Mas desde o início da pandemia causada pela Covid-19, esse avanço se acelerou e as mudanças que estavam previstas para um futuro não tão distante já fazem parte da nossa realidade atual.   As salas de aulas virtuais, a modalidade de ensino híbrido e a maior participação da tecnologia no ambiente educacional são algumas provas de que a educação está se transformando. Por isso, será necessário dar início à algumas adaptações.  E então, você já sabe quais são as tendências educacionais para 2022? Sabe quais delas vieram para ficar e quais ainda estão por vir? Se quiser ficar por dentro de tudo isso, é só continuar a leitura!  Tecnologia ainda mais presente na educação  Desde muito tempo, a tecnologia está sempre entre as principais tendências educacionais. Isso porque é através dela que as IE’s conseguem se relacionar com os seus alunos, melhorar o processo de ensino-aprendizagem. Além de otimizar a gestão educacional e ainda captar e reter mais alunos.   Nesse sentido,
A 6ª edição do CRMaker Summit, realizada em 2021 abordou temas tão incríveis, que vamos fazer alguns resumos para você. Neste artigo, trazemos as melhores práticas e estratégias para personalizar a Régua de Relacionamento da sua IE.   Quer saber mais? Então continue a leitura e conheça as melhores práticas, estratégias exclusivas e inovadoras e porque elas são fundamentais para alcançar os resultados de metas de captação e permanência de alunos a cada novo período.   A Consultora de Marketing Educacional no SADEBR, Bruna Gomes, apresentou as melhores estratégias a serem desenvolvidas pelas IE, para alcançarem melhores resultados na captação e permanência de alunos.  Começando pelo “por que”  O mercado educacional tem mudado muito nos últimos tempos. Antigamente, a maioria das instituições de ensino não se preocupavam em fazer a captação ou grandes investimentos. Pelo fato de que os candidatos por si só já sabiam em qual instituição estudar.   Mas as mudanças continuam acontecendo e principalmente com mais frequência acompanhando as tecnologias. Por isso as instituições precisam se atentar em mudar o seu mindset ou provavelmente o número de captação de alunos vai tender a cair. E é sobre isso que vamos falar hoje.  Então vamos lá?  Sabemos que enquanto estamos
Que a ficha de inscrição é um dos principais meios para captar alunos nós já sabemos. Mas você sabia que a forma de estruturá-la e de usá-la corretamente auxilia muito na quantidade de inscritos da sua IE?  Com certeza você já notou a quantidade de candidatos que desistiram ou abandonaram a ficha de inscrição no meio do caminho. Diante dessa situação, eu posso te dar uma certeza: isso não acontece por acaso.   Existem muitos motivos que levam o lead a abandonar a ficha. Mas felizmente, também existem inúmeras estratégias para evitarmos que isso aconteça. É justamente sobre isso que iremos falar hoje. Vamos lá?  Quais características uma ficha de inscrição precisa ter?  Quando pensamos em ficha de inscrição, a primeira coisa que vem à mente é a ideia de um formulário cheio de campos a serem preenchidos. Correto?  É normal que esse pensamento venha a nossa mente. Porque por muito tempo o objetivo da ficha de inscrição era coletar o máximo de dados possíveis dos candidatos. Mas hoje em dia, a nova geração anseia por processos cada vez mais rápidos, sucintos e objetivos. Ou seja, processos demorados e fichas longas já não é algo bem recebido pelos candidatos.   Por isso, oferecer uma ficha de inscrição simples, clara, atrativa e completa deixou de ser uma opção para as IE’s.   Mas como aplicar tudo isso em uma
Na 6° edição do CRMaker Summit tivemos uma palestra apresentando um case de sucesso entre a empresa Contraktor e a Universidade Católica de Santa Catarina. Bruno Doneda, CEO da empresa e Sarah Violim, coordenadora do Contact Center da instituição, trazem as dificuldades que enfrentaram no cenário da pandemia e como encontraram soluções para resolvê-los.   É fato que para ser uma empresa referência em seu meio é necessário procurar se reinventar para encontrar e enfrentar as possíveis dificuldades que acontecem durante o processo. E para isso, é necessário encontrar parceiros com o mesmo objetivo que facilitam essa jornada.  Para entender melhor sobre o tema, vamos trazer aqui os principais assuntos que foram abordados no bate-papo.  Maiores dificuldades encontradas na jornada do aluno durante o cenário pandêmico:  No início do bate-papo, a mediadora Thais Carvalho, da CRM Educacional, questiona quais foram os principais desafios encontrados durante a jornada do candidato. Mas também quais foram as maiores “dores” que a Contraktor identificou no cenário educacional.  Bruno traz um dado mostrando que as IE’s possuem dois períodos dos quais possuem mais dificuldade. Na matrícula e na rematrícula, durante o cenário da pandemia. Já que anteriormente trabalhavam com formulários físicos e atendimento presencial. Com isso, a digitalização dos documentos, adotado por poucos antes da pandemia, virou algo cultural de todo o mercado.   A relutância que muitos tinham, por serem instituições mais tradicionais, precisou dar espaço para
Na 6° edição do CRMaker Summit tivemos uma palestra sobre “Curricularização da Extensão como Forma de Atração de Novos Alunos”. Na qual Wille Muriel, Diretor Executivo na Carta Consulta, veio com o objetivo de mostrar o que é a curricularização para o setor educacional.  Para entendermos melhor sobre o tema, você verá no artigo abaixo os principais pontos abordados na palestra.  Uma instituição precisa se atentar as novidades de mercado para promover a melhor experiência para o seu público. Dito isso, o MEC propôs uma resolução para que as instituições de ensino consigam melhorar a captação e a permanência de alunos.   O que é curricularização da extensão:   Quando falamos de curricularização da extensão, aposto que esse assunto não causa estranhamento para você. Possivelmente já deve ter visto sobre o assunto nas redes sociais, blogs, webinars, podcasts ou até mesmo ouvido nos corredores da sua IE. Tudo isso se dá por ser um assunto de adaptações e mudanças para a IE e que está dividindo muitas opiniões.  A curricularização da extensão está sendo um tema bem desafiador para as Instituições de Ensino Superior no Brasil. Devido as especificações necessárias impostas pelo MEC para a regularização desta ação, e cumprimento com os prazos previstos. Isso porque a resolução foi publicada em 7 de dezembro de 2018 para poder regular o Plano Nacional de Educação.  Mas você deve estar se perguntando, qual é a relação das novas práticas de Curricularização da Extensão com a Captação e Permanência de alunos? Tem tudo a ver! E é sobre
Gerenciar a conversão de visitas no colégio é fundamental para alcançar os resultados de metas de matrículas a cada novo período. As instituições de ensino superior estão enfrentando uma competitividade muito alta e essa realidade também chegou no ensino básico.  As instituições já estão trabalhando fortemente para alcançar as metas de novas matrículas, mas muitas vezes se perdem na estruturação do processo comercial. Uma das etapas do processo de captação do ensino básico passa pelas visitas. Por ser uma etapa tão importante, se a escola não gerencia a sua conversão de visitas ela acaba perdendo a visibilidade de como está o desempenho da captação. Ou até mesmo de identificar em qual etapa do processo é necessário fazer melhorias, o que está impactando ou dificultando alcançar os resultados esperados.  Então para entender melhor como gerenciar a conversão de visitas do seu colégio você precisa saber todas as etapas do funil de captação de alunos do ensino básico. Vamos lá?  Funil de captação de alunos do ensino básico  Buscar informações sobre a escola  O processo de captação no ensino básico tem a visita como uma das fases mais importantes da jornada do aluno. Já que os pais ou responsáveis passam por várias etapas até tomarem a decisão de matricular seu filho em uma nova escola. A primeira etapa é conhecer a escola, seja pela divulgação online e/ou offline feita pelo time de marketing ou pela busca de informações sobre a escola na internet. Mas muitas pessoas ainda chegam principalmente por indicação.  Entrar em contato  Depois que a

Conteúdos estratégicos

Para gestores e líderes

Anterior
Próximo

Quer mais informações sobre marketing educacional e gestão de leads?

Deixe seu contato e receba nossas novidades diretamente no seu e-mail.
[NOVO SITE] Popup Imprensa

Não saia ainda!

Preencha seus dados abaixo e agende uma demonstração.

[NOVO SITE] Popup Imprensa

Entre em contato com nossa assessoria de imprensa

Preencha seus dados abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato.

[NOVO SITE] Popup Imprensa

Quer conhecer nossas soluções?

Preencha seus dados abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato.