Novas tecnologias na educação: Qual o papel do docente em novos cenários?

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
tecnologia na educação

A sociedade vive em constantes transformações com o avanço da tecnologia, com a chegada de novas tecnologias na educação, com estudos e teorias sobre comportamento, com novas gerações, e tudo isso, faz com que o mundo vá mudando. 

Assim, os setores da sociedade também sofrem modificações e não seria diferente com a educação. Vemos que a maneira como as escolas e universidades funcionam já não é mais a mesma. O professor e o aluno mudaram, os papéis já não são mais os mesmos, por isso a forma de ensinar também não. 

Com isso, resolvemos produzir esse conteúdo falando do professor e as novas tecnologias, mostrando a importância e como usar essas novas ferramentas ao seu favor, melhorando as aulas e engajando os alunos. 

Não deixe de ler!  

O professor e as novas tecnologias: como se relacionam? 

Com a chegada da internet e de dispositivos, como smartphones, tablets e notebooks, o número de informações geradas atualmente é muito grande. De certa forma qualquer um pode produzir conteúdo de maneira simples e rápida. 

Segundo a pesquisa “Data Never Sleeps” (Tradução: Dados não dormem nunca), feita pela empresa Domo, especialista em computação de nuvem, em 2021, 694.444 horas de vídeo foram assistidas por minuto no Youtube e 5,7 milhões de pesquisas foram feitas no Google por minuto. 

Com essa nova realidade o papel do professor dentro da sala de aula mudou. Ele não é mais o detentor de todo o conhecimento, já que as informações estão disponíveis para os alunos de forma acessível. 

O que os estudantes precisam é de um mentor, um orientador, alguém que saiba ajudá-los a desenvolver o pensamento crítico diante de tantas informações, sabendo filtrar o que é válido ou não.  

Por isso, o professor precisa saber utilizar as tecnologias para engajar e estimular esse novo perfil de alunos. Não é necessário ser um expert, mas é preciso ter o mínimo de conhecimento para conseguir usar essas ferramentas. 

A nova geração e a tecnologia na educação

crianças com novas tecnologias na educação

Para que você entenda ainda mais a relação das novas tecnologias com o professor e como elas são importantes para a nova geração que vem surgindo, vamos te contextualizar um pouco sobre a Geração Z. Assim é mais uma forma de aprender a lidar com esse grupo e entender como é a forma de aprendizado deles. Confira! 

A geração Z é o grupo de pessoas que nasceu a partir de 1995 até mais ou menos 2010. É uma geração super conectada e que domina bem as novas tecnologias, ou seja, são nativos digitais.  

Essa característica da super conexão faz com que eles sejam capazes de absorver informações de vários lugares, o que é um grande ponto da sua forma de aprender. Não conseguem ficar simplesmente sentados escutando um professor, precisam de mais dinamismo. 
 

As principais características da geração Z, são: 

  • Senso de urgência 
  • Flexibilidade frente às situações 
  • Capacidade de interação com diversos equipamentos tecnológicos 
  • Rápidos e ágeis 
  • Autônomos 
  • Inovadores 

Qual o papel do professor diante as novas tecnologias na educação?

Como vimos, o professor não tem mais o papel de detentor de todo o conhecimento. Claro que ele precisa saber todo o conteúdo e ter a capacidade de repassá-lo, mas também precisa entender que os alunos podem chegar na sala de aula já sabendo a maioria das questões. 

Por isso, o principal papel do docente na atualidade é conseguir mediar discussões na sala de aula, acrescentando o conteúdo e fazendo com que os alunos desenvolvam o pensamento crítico diante das situações e das diversas informações com quem têm contato. 

É necessário pensar em outros formatos de aula e dar os caminhos para que os próprios alunos busquem conhecimento, novas formas de aprender e lidar com as informações. 

Como os professores podem usar a tecnologia a seu favor? 

A tecnologia na educação pode gerar diversos benefícios para o aluno, professor e também para a instituição. Com ela é possível melhorar e desenvolver habilidades e competências dos estudantes, como criatividade, autonomia, além de melhorar a relação entre aluno e professor, fazendo com que troquem conhecimentos e experiências.  

Veja agora como você pode usar a tecnologia a seu favor. 

Automatizar processos 

Utilizando a tecnologia no dia a dia é possível automatizar processos, como por exemplo, para correção ou elaboração de uma prova, no lançamento de notas, para análise de desempenho dos alunos, etc. Com a automatização é possível diminuir as chances de erro e assim melhorar a qualidade do seu trabalho. 

Otimizar tempo 

Outro benefício da tecnologia, que é também uma consequência da automatização, é a otimização de tempo. Com as ferramentas disponíveis você consegue gerenciar melhor as tarefas, gastar menos tempo em tarefas muito operacionais e focar em questões estratégicas para melhorar as aulas.

Personalização 

O ponto mais forte da tecnologia é que com ela é possível promover a personalização do ensino. Não serão atividades genéricas e iguais para todos.  

Com boas ferramentas é possível adequar o conteúdo a partir das competências e habilidades pedagógicas que se adequam às individualidades de cada estudante. 

Engajamento dos alunos 

Com um conteúdo personalizado é bem mais provável que os alunos se engajem e motivem com as aulas. A tecnologia tende a despertar a curiosidade dos alunos, fazendo com que fiquem mais interessados e motivados com as aulas, querendo participar ativamente.  

Isso é um benefício enorme para os professores, já que terão estudantes engajados e que vão se desenvolver muito bem na matéria. 

Inovação no aprendizado 

Com a utilização da tecnologia na educação é possível inovar na forma de passar o conteúdo, e também em aplicar metodologias ativas.  

Assim, é possível sair do padrão de simplesmente passar um conteúdo no quadro ou enviar um texto para que os alunos leiam e apresentem algo. Dá para fazer diversas dinâmicas diferenciando as formas de aprender. Isso atrai os alunos!  

Aproximação com os alunos 

Com o uso das tecnologias nas aulas é possível se aproximar dos alunos. Isso porque eles estarão mais interessados e engajados nos conteúdos e assim terão mais curiosidade e disposição para as trocas nas aulas. Sendo muito importante para que você como professor consiga ter uma relação melhor com eles. 

Qualidade das aulas 

Outro benefício relevante da tecnologia na educação é a qualidade dos conteúdos e aulas que são ministrados. Como os alunos já terão um acesso prévio às informações, na aula será possível se aprofundar nos temas, conseguindo elevar o nível. Além disso, com os alunos mais engajados e motivados, a aula também será muito mais proveitosa. 

VOCÊ TAMBÉM GOSTARÁ DE LER:

Quais são os desafios dos professores para incorporar as novas tecnologias na educação? 

Bom, você pôde ver que a tecnologia traz diversos benefícios para os professores, alunos e instituições de ensino, mas ainda existem muitos desafios a serem enfrentados para conseguir incorporar as novas tecnologias no ambiente educacional. Abaixo listamos as principais dificuldades e o que a instituição, pode fazer para enfrentá-las. 

Inexistência de recursos 

Infelizmente a tecnologia ainda pode ser muito cara, por isso, a questão financeira acaba sendo um empecilho para implantar ferramentas novas nas instituições. Muitas vezes algumas instituições também não veem com algo importante e direcionam os recursos para outras coisas.  

Nessa parte é possível tentar mostrar para os coordenadores e diretores a importância de investir em tecnologia e também procurar por ferramentas que caibam no orçamento. 

Falta de conhecimento 

A falta de conhecimento é um grande desafio, já que essas ferramentas são novas, muitos professores têm dificuldade no momento de lidar com a tecnologia. Pode ser que não tenham costume, ou que ainda não acreditem no potencial dela.  

Entretanto, com treinamento, prática e costume é possível se adaptar ao novo. Para isso, os colegas podem ajudar e a instituição pode promover capacitação para os docentes.  

Atualização constante 

Outro ponto desafiador das novas tecnologias, são as atualizações constantes das ferramentas. As empresas fazem diversas modificações para atender melhor os usuários, mas com isso, pode ser que algumas funcionalidades mudem.  

Mas para melhorar isso, procure por ferramentas que tenham um bom suporte e que possam ajudar a cada alteração. 

Segurança 

A segurança é uma questão importante quando falamos de tecnologia. Infelizmente no ambiente digital existem diversos golpes e sem cuidado conteúdos e dados podem ser expostos de forma irresponsável.  

Por isso, pode ser um ambiente desafiador para a instituição. Mas com a orientação certa para os alunos quanto aos perigos e contando com a ajuda do setor de T.I. é possível manter o ambiente seguro

Qual o impacto das TICs na educação? 

As Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC’S), são um conjunto de programas e ferramentas que permitem que as informações sejam geradas e transmitidas. Vamos te mostrar agora um pouco sobre o impacto das TIC’s na educação. 

As tecnologias chegam para ampliar as formas de aprendizagem, os alunos estão cada vez mais autônomos e donos dos seus processos de aprendizagem, conseguindo conduzir e aprimorar ainda mais suas habilidades e competências. Isso é importante, pois a forma antiga de aprender já não funciona mais. 

A educação básica antes excluía muito os alunos e fazia com que vários não se desenvolvessem, já que era muito geral, sem pensar em cada um nas suas habilidades e dificuldades. Na verdade, era preparada para um todo e era ministrada de uma maneira muito superficial e rigorosa, o que acabava afastando muitos estudantes. 

Dessa forma, as TICs impactam na educação fazendo com que ela seja muito mais inclusiva conseguindo potencializar as características de cada indivíduo e fazendo com que a educação seja mais acessível e de qualidade. 

Como a IES pode capacitar os professores para o uso da tecnologia? 

capacitação para docentes usarem as novas tecnologias na educação

Todo o corpo docente e as novas tecnologias precisam ser ambientados um com o outro. Desse modo, é necessário um processo de capacitação e implementação das ferramentas e também de metodologias para que a sua instituição, consiga se qualificar.  

Veja maneiras de como a sua instituição de educação superior (IES) pode te capacitar! 

Promover treinamentos 

Os treinamentos são muito importantes para ajudar os professores a aprenderem a usar as tecnologias. Muitas empresas que oferecem as próprias ferramentas possuem capacitações completas e suporte para quando precisarem. É importante repassá-los para o corpo docente. 

Garantir a implementação da tecnologia no dia a dia 

Mudanças muito bruscas normalmente não são bem aceitas, por isso, ir devagar, implementando a tecnologia aos poucos no dia a dia do professor faz com que eles se acostumem.  

Alterar toda a rotina de uma vez não é vantajoso, mas fazer um cronograma com as pequenas modificações até que se atinja o todo, facilita o aprendizado. 

Contar com um coordenador que domina as ferramentas 

É muito importante ter alguém dentro da instituição que domine o uso das novas tecnologias, se for um coordenador é muito bom, pois ele tem um contato próximo dos professores. Um profissional que já saiba lidar com essas mudanças irá ajudar de forma muito mais efetiva os docentes. 

Mostrar as vantagens da tecnologia 

Muitos professores ainda não acreditam no potencial que as novas tecnologias podem oferecer para a educação e assim não querem utilizá-las. Por isso, é essencial que a IES mostre as diversas vantagens que a tecnologia pode trazer para a sala de aula e para o seu trabalho como um todo.  

Por que os professores precisam se familiarizar com as novas tecnologias na educação? 

Como falamos ao longo de todo o texto, a sociedade mudou e todos os setores mudaram. Principalmente depois da pandemia do Covid-19, as tecnologias ficaram muito em evidência e muitas coisas têm sido feitas no ambiente online.  

Com isso, não só as novas gerações, mas as anteriores também já estão acostumadas com um mundo tecnológico.  Por isso, é necessário que os professores utilizem as novas tecnologias. A forma de aprender e ensinar já não é mais a mesma e com certeza os benefícios serão diversos não só para o aluno, mas também para o professor. 

Esperamos que você tenha entendido a importância da relação entre o professor e as novas tecnologias e como promovê-la.  

Atualmente Coordenadora de Marketing na CRM Educacional. Possui 6 anos de experiência na área de comunicação e marketing e 2 anos na área de educação. É formada em Publicidade e Propaganda pela PUC Minas, possui MBA em Marketing e Vendas pela PUC Minas.

Quer mais informações sobre marketing educacional e gestão de leads?

Deixe seu contato e receba nossas novidades diretamente no seu e-mail.
[NOVO SITE] Popup Imprensa

Não saia ainda!

Preencha seus dados abaixo e agende uma demonstração.

[NOVO SITE] Popup Imprensa

Entre em contato com nossa assessoria de imprensa

Preencha seus dados abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato.

[NOVO SITE] Popup Imprensa

Quer conhecer nossas soluções?

Preencha seus dados abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato.