(31) 2531-3161
WhatsApp
BLOG C5

Um breve bate papo sobre inbound marketing na educação: como dados podem ser úteis?

O Inbound Marketing e o Funil de Marketing Digital não ficaram tão famosos à toa! Por isso um dos motivos óbvios é o movimento tecnológico que vivemos.

O outro motivo é a facilidade de reconhecer, filtrar, mensurar e utilizar as famosas métricas e dados dos clientes a favor de ações assertivas.

Mas uma boa parte dos profissionais de Marketing ainda não entendem bem o que fazer com estes dados adquiridos a partir da conversão de novos leads.

E para que servem estes dados?

Tudo aquilo que você adquire sobre os contatos e que fica registrado na sua base, pode ser útil para você entender sobre qual esforços deve investir em cada lead.

Então o que os diferencia, resumindo, é o quanto eles estão qualificados.

Mas o que significa qualificar leads?

Significa que você vai entender mais sobre o momento deste contato: é hora de informá-lo sobre o que a sua IE oferece? Quais cursos são boas opções de mercado?

Estes são apenas dois exemplos de como você pode nutrir seus leads.

Ao enviar campanhas de e-mail para informar ao interessado sobre as qualidades da sua instituição de ensino, quais cursos ela dispõe e quais são boas opções de mercado. Já estamos conversando com um público que identificou um problema: ele/ela precisa se aprimorar em um curso superior/pós graduação. Depende do que a sua instituição oferece.

Mas você também pode enviar conteúdos mais especializados para suas bases de contato a partir do momento em que eles avançam no seu funil de marketing. E e instigá-los a fazer aulas experimentais, apresentar grades e ementas, entre outros.

Para isso, você pode criar segmentações específicas para cada uma dessas fases.

Mas como eu faço para que estes interessados avancem no funil de marketing?

Mantenha contato! Construa um relacionamento e pontue seus leads por interesse a partir de ações realizadas sobre as suas réguas de relacionamentos.

Entenda que um lead que já está entrando em contato com a sua IE em busca de informações sobre seus cursos já a identificou como uma possibilidade. Então é hora de trabalhar com ele de forma mais direta.

Já aquele que ainda está apenas abrindo e clicando em alguns de seus e-mails não necessariamente quer receber uma ligação. Por isso cuidado aqui: é importante saber quando entrar em contato para não se tornar invasivo.

E claro, se o inscrito não atendeu o telefone nas últimas 10 ligações realizadas pela equipe de vendas ou atendimento Pense então, em esperar um tempo antes de ligar novamente ou então deixar o contato em aberto por um e-mail.

Para simplificar isso desde o início, você pode então colocar em todos os seus formulários a opção de receber ou não um contato dos seus consultores.

Voltando ao início: onde tudo isso começa?

Falamos brevemente de meio e fundo de funil. Se você ainda têm dúvidas sobre como captar leads para trabalhar em seu funil de marketing, você pode pensar nas seguintes estratégias:

  • Landing pages oferecendo e-books, webinars, lives, manuais, guias práticos, ferramentas ou qualquer produto que apresente uma amostra do que o seu negócio oferece;
  • Divulgação dessas landing pages e formulários em blogposts, pop-ups, campanhas de e-mail marketing, anúncios de mídia paga e claro. Por via offline, o famoso boca a boca.
  • Criando um blog com lançamentos recorrentes e que disponibilize conteúdos realmente úteis ao seu público alvo. Se você está em uma instituição de ensino superior, fale sobre seus cursos, suas ementas e a aplicabilidade deles no mercado atual;
  • Otimizando seu site com pop-ups inteligentes, que podem ser geradas com ferramentas como Thrive Leads;
    Alimentando suas redes sociais com seus conteúdos e automaticamente melhorando o alcance de cada um deles.

Este foi um bate papo rápido sobre captação e trabalho com leads. Para auxiliar nas suas estratégias é importante que você saiba como nutrir cada um deles. Mas principalmente, como ferramentas de registro e automatização de estratégias e ações podem ser úteis e tornar todo o processo mais assertivo.

Com o CRM Educacional você terá todos os dados sobre os seus leads e alunos guardados de forma completa. O que será essencial no momento de alinhar sua equipe com as estratégias de captação e permanência de alunos.

Quer bater um papo e entender como um sistema CRM pode mudar a performance das suas ações e aumentar a produtividade diária da sua equipe? Então entre em contato!

Sobre o autor:
Daniel Antonucci
CEO e Co-Founder na CRM Educacional, empresa especializada em Captação, Permanência e Fidelização de Alunos, também atua como docente em cursos de MBA de Marketing e de Tecnologia da Informação e realiza palestras em diversas Faculdades e Universidades pelo Brasil. Possui formação em Inovação e Empreendedorismo em Stanford, MBA em Marketing pela ESPM e Mestrado em Gestão pelo Centro Paula Souza, onde desenvolveu pesquisa sobre Modelos de Maturidade de Gestão Acadêmica em Instituições de Ensino Superior, além de especialização em ferramentas de CRM como o Dynamics CRM da Microsoft. Atua também no Conselho de Administração de empresas de marketing e tecnologia.
COMPARTILHE:

Outras notícias Mais relevantes Últimos dias