(31) 2531-3161
WhatsApp
Início » Blog » Branding e a percepção de marca para IES

Branding e a percepção de marca para IES

Publicado em 31 outubro 2014 e escrito por

Desde o segundo semestre de 2010, a área de branding vem sendo muito requisitada nas empresas. De acordo com Thais Temperman, gerente da empresa de recrutamento Michael Page, essa área já era muito conhecida na indústria de bens de consumo, mas agora ganha força em setores como o financeiro e de serviços.

Pois bem, nesse novo cenário em que o setor de serviços se atentou à necessidade de trabalhar o branding e a percepção de marca, vamos entender por que as IES’s brasileiras devem seguir o mesmo caminho e como podem fazer isso.

Relacionamento com aluno

Uma marca nada mais é do que pessoas. E quando ela se comunica com o aluno de forma impessoal e distante, essa postura inacessível é percebida pelo público e acaba impedindo a identificação com a marca.

Seus alunos são pessoas também, parece óbvio dizer isso não é? Mas é importante perceber como as duas partes (Marca x Aluno) são compostas por pessoas e o relacionamento entre elas deve ser humanizado.

Se seu público se relaciona com o que gosta de maneira leve e próxima, então para que burocratizar seus contatos? Por mais que o negócio de uma IES seja educação, investimento de alto envolvimento, não é necessário abusar da formalidade a tal ponto que seus alunos não consigam perceber a IES que você vende na propaganda da TV ou no Banner da Internet.

Converse com seus alunos e mostre seus diferenciais, ai sim você terá a percepção de marca que deseja, conquistará “clientes” fieis e será a marca que as pessoas amam.

Utopia? Não, relacionamento!

É claro, não adianta se relacionar com seus alunos, estar próximo a eles e não ter o que mostrar. O ponto mais primordial do sucesso é ter qualidade no serviço oferecido. Se a sua IES não tiver bons professores, reconhecimento no mercado (empregabilidade), boa infraestrutura, etc., antes de se relacionar, você precisa rever algumas coisas dentro da sua Instituição.

Branding para IES

Segundo Chris Malone e Susan T. Fiske, em seu livro “The Human Brand”, desde o início de sua evolução, os seres humanos vem aguçando sua percepção, até mesmo para sua sobrevivência. Somos capazes de fazer julgamentos rápidos sobre a intenção das pessoas para conosco.

Ok, mas qual a relação disso com o branding para IES?

Simples, sua marca precisa ser calorosa, projetar confiança, competência e até mesmo carinho em seu relacionamento com aluno a fim de conquistá-lo e gerar fidelidade.

Resumindo, seus alunos sabem quando você entra em contato com eles incessantemente com o único intuito de vender. Este realmente é o resultado final de um contato, mas o objetivo de uma IES é fornecer conhecimento para que este indivíduo tenha sucesso em sua vida, não é mesmo?

Se fazer branding para IES é ser caloroso, passar confiança e nunca, em momento algum ser interpretado como aquele que só quer vender um curso para um futuro aluno, é fácil concluir que se sua IES insiste em fazer ligações para um aluno ou futuro aluno com único intuito de convertê-lo, possivelmente a percepção de marca que você está construindo pode não condizer com a que deseja.

Qual é o melhor caminho para se fazer branding para IES?

Certamente o melhor caminho é a humanização da sua marca. Com os meios de comunicação que você já deve utilizar atualmente, conseguirá fazer um bom branding para sua IES e colher os frutos de uma percepção de marca positiva.

Uma ferramenta de gerenciamento de relacionamento, CRM, te auxilia a otimizar o uso destes meios de comunicação. Com ele, você é capaz de acompanhar o momento de decisão de compra do possível aluno, para que assim, possa contactá-lo por meio de Emails e SMS’s automáticos e gerar listas de ligações de acordo com o momento de cada indivíduo. Isso aumenta a assertividade dos seus contatos e consequentemente a sua conversão.

Relacionamento com aluno é imprescindível na construção do branding para IES. Mas devemos saber que se relacionar por relacionar não lhe trará o resultado desejado. Você deve conhecer o seu público, saber quais são seus anseios e necessidades e assim lhes apresentar como sua IES poderá ajudá-los no que precisam, qual o posicionamento da Instituição perante os mais diversos assuntos. Caso contrário, sua tentativa de se “apresentar” pode ser desinteressante para aquela pessoa e acabar caindo na caixa de SPAM ou ITENS DELETADOS.

Sobre o autor:

Daniel Antonucci CEO e Co-Founder na CRM Educacional, empresa especializada em Captação, Permanência e Fidelização de Alunos, também atua como docente em cursos de MBA de Marketing e de Tecnologia da Informação e realiza palestras em diversas Faculdades e Universidades pelo Brasil. Possui formação em Inovação e Empreendedorismo em Stanford, MBA em Marketing pela ESPM e Mestrado em Gestão pelo Centro Paula Souza, onde desenvolveu pesquisa sobre Modelos de Maturidade de Gestão Acadêmica em Instituições de Ensino Superior, além de especialização em ferramentas de CRM como o Dynamics CRM da Microsoft. Atua também no Conselho de Administração de empresas de marketing e tecnologia.

COMPARTILHE:

Outras notícias Mais relevantes Últimos dias