(31) 2531-3161
WhatsApp

Chat CRM Educacional

5 dicas de marketing para educação capazes de transformar sua captação e retenção de alunos

5 dicas de marketing para educação capazes de transformar sua captação e retenção de alunos

Publicado em 16 fevereiro 2017 e escrito por

Gerar interesse no aluno pela instituição de ensino é um dos grandes desafios diários enfrentados por quem trabalha com marketing para educação. Afinal, o que é necessário fazer para vencer o desafio de captar e reter alunos em um momento de incertezas econômicas e alta competitividade?

Antes de mais nada, a IES precisa entender que a tomada de decisão sobre a instituição na qual o aluno irá estudar  passa por observações detalhadas que envolvem fatores desde a qualidade de ensino até a identificação do futuro aluno com a IES. Por isso, se quer uma dica fundamental de marketing para educação, foque em personas que têm perfil que se encaixe com sua localização, seus cursos, valor da mensalidade, espaço físico, segurança e todos atributos importantes para esta tomada de decisão.

Mas, insisto, focar em personas é o primeiro passo.

Vamos avançar um pouco e explorar as 5 dicas de marketing para educação que citei no título deste texto:

Dicas de marketing para educação:

Entenda quem são seus alunos

Talvez a maior premissa do marketing seja conhecer seu público, saber exatamente para quem você dedicará seus esforços para ter o maior retorno possível de seus investimentos. Mas o tempo de vacas gordas do mercado de educação brasileiro deixou muitos profissionais “mimados”, à ponto de esquecer esse ponto fundamental.

Se você já tem um certo tempo de atuação nesse mercado, sabe que vivemos tempos de muita fartura nos anos 90 e 2000, quando bastava apenas abrir o vestibular e logo as vagas eram prontamente preenchidas. Mundo perfeito, não é mesmo? Mas isso deixou muitos profissionais mal acostumados, já que não precisavam dedicar muito esforço em marketing para atingir suas metas.

Então a primeira dica é essa: invista em marketing, mas antes de tudo, entenda quem são seus alunos!

Conhecer seu público nada mais é do que trabalhar focando em personas, o que é fundamental para otimizar seus investimentos e competir com mais inteligência com seus concorrentes.

Produzi um material sobre personas, com certeza é uma leitura que irá te acrescentar muito.

Alie-se à tecnologia

Por incrível que pareça, muitas instituições são avessas às novas tecnologias — mesmo sem perceber que o são. Vários são os motivos que levam a esse bloqueio, seja pelo conservadorismo dos donos e reitores ou até mesmo por desaprovação da equipe de TI sob uma nova tecnologia.

É fundamental se atualizar e investir em novas tecnologias, tanto dentro como fora da sala de aula e se antecipar às tendências que certamente irão (ou já estão) influenciando sua persona. Esse assunto vai muito além oferecer um laboratório com bons computadores ou um curso com tecnologia diferenciada. É, por exemplo, investir em plataformas online para que os alunos sigam seus estudos em casa, mesmo no caso de um curso presencial. Isso pode fazer toda a diferença no aprendizado.

Te indico conhecer um pouco sobre o Samba Class, uma ferramenta incrível para EAD, mas caso não ofereça esse modelo de curso, essa leitura irá ajudar a ilustrar o cenário que citei acima.

Além de aumentar as possibilidades do conteúdo dado em sala de aula, a tecnologia tem muito a agregar os processo da sua Instituição, como a captação de alunos por exemplo. Após enfrentar uma diminuição nas taxas de matrícula de ingressantes nos últimos anos devido a grande concorrência e a crise financeira, a captação e retenção e alunos se tornaram a principal preocupação dos profissionais de marketing para educação. Em recente pesquisa do SEMESP, para definir os temas dos próximos encontros dos associados nas jornadas regionais, Captação e Retenção de alunos foram os mais votados pelos participantes.

Clique aqui e entenda o que a tecnologia pode fazer pela captação de alunos da sua instituição de ensino superior

Ofereça boas experiências

Para ajudar seus alunos a obterem seus diplomas em sua IES, é preciso trabalhar a retenção destes alunos, claro. Por isso, promova a descoberta e permita que todos eles conheçam todos os benefícios que você proporciona para sua comunidade acadêmica. E não tenha medo em inovar, oferecendo novas experiências para eles.

Vejamos, por que seus alunos deveriam continuar na sua instituição ao invés de acompanhar um amigo de colégio que, possivelmente, esteja encantado com uma outra IES que ele escolheu estudar?

Vamos usar um universo em específico para exemplificar: um curso de publicidade.

Alunos de publicidade tem, essencialmente, seu lado criativo muito instigado ao longo do curso. Além disso, possuem uma mente jovem e são muito antenados com as novidades do mundo digital. Pois bem, pensando nesse caso, como sua IES pode potencializar a vida letiva deste perfil de aluno a ponto de transformar em uma experiência memorável?

São várias as ações que podem tornar o ambiente de estudo mais convidativo. Por exemplo, você poderia deixar a sala ou até mesmo o andar das turmas de comunicação mais a cara deles, com grafites ou uma pintura mais moderna, diferenciada. Criar uma página no Facebook, por exemplo, que passe toda a comunicação referente ao curso com linguagem jovem, utilizando memes. Promova olimpíadas de jogos virtuais entre os alunos.

Seus alunos passarão muito tempo dentro da sua instituição, permita que esse período seja o mais prazeroso possível. É possível medir como anda os seus esforços para reter mais alunos, entenda mais sobre como mensurar esses números.

Integre-se à comunidade

Uma ótima maneira para aumentar o seu market share na sua região é aumentar sua presença na comunidade. Sim, o bairro, a rua e a comunidade são as peças construtivas de uma relação próxima e afetuosa.

Lembra do exemplo em que falamos sobre os alunos de publicidade? Podemos unir as duas coisas neste momento, promova maratonas criativas na busca por soluções para a comunidade. Dessa forma, os alunos podem sentir que fazem a diferença na construção de uma cidade melhor — e eles querem se sentir parte de algo importante, acredite!

Além de trabalhar a retenção de alunos por meio de projetos como esses, você ainda ganha em captação de alunos. Claro, basta pensar naquele velho jargão “quem não é visto não é lembrado”. Existe até uma disciplina do marketing chamada “Referral Marketing” que trata especificamente da indicação de um aluno (cliente) satisfeito para um futuro aluno, sem te cobrar nada (ou muito pouco) por isso. Se mantendo presente na vida das pessoas, estando sempre visível no dia a dia do seu público, acaba agindo fortemente no inconsciente na hora em que ele for escolher uma instituição para estudar.

Trabalhe com base nos números

Ações que não são feitas com base em número são hipóteses.

Por mais dura que essa frase seja, é a pura realidade. Tenho certeza que você não pode sair investindo a verba do seu setor a torto e direito em iniciativas que, mesmo que seja visando algum novo resultado, não permitem a mensuração dos resultados. Isso porque existe uma coisa chamada Retorno de Investimento, se você não se preocupa com esse fator ao definir uma estratégia, está dedicando o dinheiro da sua Instituição em hipóteses extremamente arriscadas.

Então como fazer novos investimentos? Como colocar todas essas ideias citadas aqui em ação? Como convencer o reitor da sua IES a aprovar seus projetos? A resposta é simples, dados!

Basta pensar em quanto cada ação está te trazendo de retorno. Investiu em alguma ação visando mais inscritos no vestibular? Então seu foco deve ser comparar os resultados com o número de inscrições da campanha anterior.

Entenda um pouco mais sobre Retorno de Investimento no marketing para educação

E você, quais práticas já utiliza para fazer a captação e retenção de alunos na sua escola? Quer continuar aprendendo sobre as melhores estratégias de marketing para instituições de ensino? Veja agora como fazer a automação de Marketing e CRM para captar alunos com eficiência!

Sobre o autor:

Daniel Antonucci Mestre em Educação e com MBA em Marketing e em Gestão Acadêmica e Universitária, atualmente Daniel é CEO e Co-Founder na CRM Educacional, empresa especializada em Captação, Permanência e Fidelização de Alunos para Instituições de Ensino. Faz parte do conselho de Administração da Nerus - ERP para Varejo e da 5Seleto – Agência de Marketing Digital. Atua como Docente em cursos de MBA de Marketing e de Tecnologia da Informação em diversas Faculdades e Universidades no Brasil.

COMPARTILHE:

Outras notícias Mais relevantes Últimos dias