Michele Amaral

Customer Success (CS) – ou Sucesso do Cliente e atendimento não são a mesma coisa, mas a confusão entre estes conceitos faz com que muitas empresas não alcancem os números desejados de permanência dos seus clientes. E com as instituições de ensino não é diferente. Customer Success – o que é Gosto muito da metodologia daGaisigth citada no livro Customer Sucess: o sucesso das empresas focadas em clientes, que define o conceito como: “(…) metodologia de negócios que garante que os clientes atinjam os resultados desejados enquanto usam seu Produto ou Serviço. Customer Success é o gerenciamento de clientes focado em relacionamento, que alinha os objetivos do cliente e do fornecedor para obter resultados mutuamente benéficos (…)” Portanto, para se trabalhar o sucesso do cliente é necessário aplicar uma metodologia que envolve, entre outras coisas, o atendimento ao cliente eficiente, mas este é apenas um dos pontos a serem avaliados e ajustados. A área de Customer Success ou de Permanência é a área guardiã que representa o aluno dentro da instituição, por exemplo, fazendo a ponte entre as diversas outras para que os processos tenham o aluno como centro, para que ele tenha os resultados que espera na sua
Que a atual pandemia tem afetado a economia não é novidade, não é mesmo? Muitos acreditam que um dos setores mais prejudicados é o da educação privada. Além da dificuldade em manter os alunos matriculados neste cenário de distanciamento social e instabilidade financeira, o corte de R$4,2 bilhões no orçamento previsto pelo MEC para 2021 deve gerar uma nova crise para o setor. Diversificar o ensino pode ser uma solução. Para tentar diminuir os impactos nas instituições privadas, existe inclusive um projeto de lei para tentar assegurar a continuidade das atividades no ensino superior. Afinal, a inadimplência e a evasão aumentaram de maneira muito significativa, prejudicando a saúde financeira das instituições. Portanto, para superar esta situação, a educação privada deve buscar pela ampliação de receita, diversificando o ensino.    A CRM Educacional, como apoiadora do mercado educacional vem realizando uma série de conteúdos de benchmark entre as instituições. Além é claro dos serviços e produtos que oferece com o intuito de apoiar a captação e permanência dos alunos.    O que os indicadores apontam   De acordo com um levantamento realizado pelo Semesp, a taxa de evasão no mês de maio subiu 14,2% em comparação com 2019. E a de inadimplência aumentou 51,7%. Mas a inadimplência e a evasão
Indiscutivelmente, o mercado educacional está vivendo um novo cenário. Com a portaria lançada pelo Ministério da Educação autorizando a substituição de todas as disciplinas presenciais por disciplinas virtuais. As tecnologias ganharam força nas instituições de ensino. Que precisaram se reorganizar, de maneira muito rápida, para aderirem à nova regra de distanciamento social gerada pela COVID-19. Passado este susto, agora a atenção das instituições de ensino se voltou para a captação do novo intake – novo período de processo seletivo. Como por exemplo 2020/2 – que também precisa de novos recursos e argumentos para seus candidatos. Confira abaixo algumas dicas para a sua instituição manter o processo de captação de alunos em meio a este cenário de pandemia. A captação no ensino superior e argumentos de venda Algumas instituições de ensino já estão com seus processos seletivos para o segundo semestre abertos, outras ainda se questionam: Vale a pena captar agora? A resposta é SIM! A captação gera receita para a IE por no mínimo 4 anos. Portanto, ainda que estejamos em um momento incerto, é bem provável que o reflexo do momento atual não permaneça por todo este tempo. Além disso, manter a captação agora é uma forma de
Empresas guiadas por sabedoria digital lideram e continuarão a liderar nos próximos anos. E é por meio da criação de experiências satisfatórias. E soluções capazes de realizar grandes mudanças na realidade das pessoas que o legado de cada uma delas será fixado. A inteligência artificial não é a peça chave da história. Ela é a história em si. A adaptação a novos ambientes sempre foi uma habilidade humana e animal que, se trabalhada da maneira correta, favorece bons resultados. A construção de relações humanas é essencial para o sucesso de qualquer projeto, para qualquer tipo de público. Então as bases não poderiam ser menos do que sólidas. Mas como construir relacionamentos por meio da cultura de dados presentes em nosso contexto digital? Então vale dizer que, nos dias atuais, solidez significa embasamento. E é a partir daqui que falamos sobre a importância dos dados. E do estudo constante de toda a equipe de uma Iacerca daquilo que se tem de informação em seu estado mais puro. Mas afinal, já não trabalhamos com dados em nossa IES? A resposta para esta pergunta é, muito provavelmente, sim. Difícil mesmo é encontrar nos dias atuais organizações que não trabalhem sobre nenhuma base
Atualmente, o uso de tecnologias diversas na educação superior tem levado a grandes investimentos. Não é possível pensar na realização de certas tarefas sem o auxílio de um computador ou tablet. Gerenciar calendários escolares, notas e dados de alunos de forma manual já é algo ultrapassado. Você consegue imaginar formular provas e trabalhos sem o uso da internet? Assim, é interessante e importante aprender a respeito das inovações tecnológicas disponíveis para tornar o dia a dia escolar mais funcional e prático. Se você ainda tem dúvidas sobre a utilização desses recursos, então que tal descobrir qual o impacto dessas inovações para o dia a dia nas IE? Benefícios da tecnologia na Educação Superior A inclusão da tecnologia na educação superior melhora, significativamente, o ensino oferecido aos alunos, levando a novos caminhos para a aprendizagem. Esse processo não só se dá na inserção dentro da sala de aula, mas também na modernização das instituições como um todo. Por isso o aperfeiçoamento do processo educacional e da instituição leva a muitos benefícios. Em primeiro lugar, a utilização dessas tecnologias permitem um serviço mais rápido. E-mails e outros tipos de canais de comunicação podem ser automatizados para acelerar o tempo de resposta.
Falar de captação de alunos e conversão de candidatos para as instituições de ensino é comum que o papo também seja sobre réguas de relacionamento.  A Régua de Relacionamento, no caso de captação, é a programação de contatos com os futuros alunos, seja através de e-mails, SMS´s, WhatsApp, Chat, Ligações, entre outros. Por isso fizemos este post, para focarmos no assunto envio de e-mails. Mas se você ainda não sabe se a campanha está adequada ou como avaliar relatórios sobre os envios e melhoria dos KPI’s da régua. Por isso o primeiro passo é compreender tudo o que envolve este tema, desde de taxa de entrega, taxa de abertura até taxa de clique. Então vamos entender como cada uma funciona: Taxa de entrega: a taxa de entrega mostra o quanto do total de e-mails disparados chegaram na caixa de e-mails das pessoas. É uma métrica que está diretamente relacionada à sua base, considerando, por exemplo, se os contatos de e-mail estão válidos ou não.  Taxa de abertura: é a relação do número de pessoas que abriram o e-mail versus o número de disparos realizados. Este índice normalmente indica a qualidade do assunto, assim como dia da semana e o

Quer mais informações sobre marketing educacional e gestão de leads?

Deixe seu contato e receba técnicas eficientes diretamente no seu e-mail.
[NOVO SITE] Popup Imprensa

Não saia ainda!

Preencha seus dados abaixo e agende uma demonstração.

[NOVO SITE] Popup Imprensa

Entre em contato com nossa assessoria de imprensa

Preencha seus dados abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato.

[NOVO SITE] Popup Imprensa

Quer conhecer nossas soluções?

Preencha seus dados abaixo e um de nossos especialistas entrará em contato.