(31) 2531-3161
WhatsApp

Chat CRM Educacional

Enade 2019 – como utilizar para aumentar a retenção e captação de alunos

Enade 2019 – como utilizar para aumentar a retenção e captação de alunos

Publicado em 17 outubro 2018 e escrito por

Recentemente ministrei uma palestra no 11o. SADEBR – SP, que aconteceu no belíssimo Teatro da FECAP, e o tema foi: “Tendências globais de consumo e o impacto na educação”. Quando estava me preparando para esta palestra, estudei muito como as novas gerações que prestaram o Enade 2019 estão lidando com temas tão usuais, como locomoção, relacionamentos e claro, educação.

Um dos materiais que tive acesso, durante minha preparação, mapeava 10 tendências de consumo, que são:

  1. Clean Lifers
  2. Inquilinos
  3. Cultura da reinvindicação
  4. Especiais
  5. Empreendedores Adaptativos
  6. Vejo do meu quarto
  7. Detetives
  8. Co-living
  9. I-Designers
  10. Sobreviventes

Dentre estas 10 tendências, gostaria de destacar duas neste texto: “Detetives” e “Cultura da Reinvindicação” e como estas duas tendências se conectam com o Enade 2019.

Falando um pouco mais da tendência de “Detetives”, as novas gerações possuem uma desconfiança crescente nas marcas e um maior envolvimento emocional. São céticos aos produtos produzidos em massa e às motivações das empresas. Estão cansados de retóricas e palavras tranquilizadoras.

Por outro lado, a tendência de Reinvindicação, amplamente exercida por mensagens virais pelas redes sociais, reclamações no Twitter e participações em petições online, esta dando mais poder para as novas gerações, dando voz às suas opiniões. É o “ativismo hashtag” mostrando sua força e fazendo muito barulho.

Bom, e o que isso tem haver com o ENADE? Tudo!

Antigamente, na relação cliente-marca, a força estava nas mãos da marca. Com as mudanças tecnológicas, smartphones e redes sociais principalmente, que passamos nos últimos anos, este poder mudou de mãos. Agora esta nas mãos das pessoas.

Logo, se você é da área de marketing ou comercial de uma instituição de ensino que tem uma nota RUIM, ou até não tão RUIM, mas não tão BOA quanto seu concorrente, esta informação está a um click das mãos do seu futuro aluno.

De nada adianta você montar uma super estratégia de marketing, aquisição de leads, estruturar seu comercial, com callcenter, régua de relacionamento automatizada, funil de vendas, etc, se o produto que você está vendendo é ruim. Mas então quer dizer que se eu tiver uma nota RUIM no ENADE não adianta investir em captação de alunos? Adianta sim, contanto que você tenha um plano muito claro para mostrar o porque desta nota, o que está sendo feito para muda-la e mostrar, na prática as ações sendo realizadas.

Se você não fizer isso, fatalmente seu candidato ou aluno irá investigar, conversar com outras pessoas, consultar suas redes sociais, para ver se o que você está dizendo é verdade. Como ele não tem muita paciência para retórica, poupe seu tempo e invista entregando verdades para ele.

Por outro lado, se você cuida de um time de retenção de alunos, lembre-se que transferência externa é responsável por quase 20% das matrículas em diversas IES, e nos EUA, é responsável por quase 30% das matriculas.

Ou seja, as novas gerações trocam de faculdade como trocam de marca de tênis. Alias, acho que em determinados casos é mais fácil trocar de faculdade do que deixar a Nike para usar AllStar.

Diante disso, se você divulgar e vender algo que você não consegue ou não pode entregar, seu aluno irá se posicionar, reclamar, reivindicar e, provavelmente te trocar.

Mas como eu saio desta situação?

Acredito que a melhor maneira de mudar esta perspectiva em sua instituição, seja por meio de parceria com a área acadêmica.

Você precisará se aproximar dos seus coordenadores de curso e mostrar as tendências e os impactos desta nota para a instituição. Mostre os números de evasão, principalmente por transferência externa. Mostre também a sua dificuldade de captação para o curso de cada um deles. O que você precisa fazer, no final de tudo, é criar significado nos coordenadores de curso e toda área acadêmica e pedagógica, que uma nota RUIM, ou uma nota não tão BOA no ENADE, está afetando diretamente a captação de alunos, a retenção de alunos e indiretamente o crescimento e a sustentabilidade da instituição de ensino.

Tome cuidado para fazer isso sem buscar culpados. Estenda a mão e os ajude a encontrar alternativas para a solução, que é aumentar a nota do ENADE.

Mas como vou ajudar meu coordenador a aumentar a nota do ENADE 2019?

O ENADE é uma prova que mede o conhecimento dos alunos, e neste ponto, você pouco pode fazer, já que entregar conhecimento ao aluno está diretamente ligado a área acadêmica e pedagógica da sua instituição.

Por outro lado, existem muitos relatos de alunos que simplesmente boicotam a prova do ENADE, entregando a prova em branco, não se preparando para a prova ou simplesmente respondendo com desleixo.

Por que? Porque eles não se sentem conectados com a sua instituição!

Então, se você quiser realmente ajudar sua instituição a melhorar a nota do ENADE, você precisa aumentar o engajamento dos alunos com relação a marca da sua IES e desenvolver neles a consciência da importância, para ele também, de uma boa nota no ENADE.

Eu costumo dizer que, quando escolhemos uma instituição de ensino para fazer a nossa graduação, é como se estivéssemos escolhendo uma tatuagem para fazer numa parte bem visível do nosso corpo, pois assim que nos formamos, recebemos aquela marca, aquele grau conferido pela instituição escolhida, e vamos carregar esta marca para o resto de nossas vidas.

Se a marca que eu recebo é de uma instituição com qualidade baixa, o mercado vai me enxergar da mesma forma. Por outro lado, se a marca que recebo é de uma instituição com qualidade alta, o mercado também me enxergará como um profissional de alta qualidade.

É claro que não é fácil criar a consciência da importância do ENADE nos alunos, mas fica mais fácil se você fizer isso desde o primeiro dia de aula. Se você deixar para fazer isso no último semestre do curso, as vésperas da prova, não conseguirá engaja-los e tão pouco atingir o objetivo final que é entregar para o mercado bons profissionais, conscientes e, consequentemente, uma boa nota do ENADE!

Bom início de captação e sucesso! Se quiser entrar em contato com a gente, é só clicar aqui.

Sobre o autor:

Daniel Antonucci Mestre em Educação e com MBA em Marketing e em Gestão Acadêmica e Universitária, atualmente Daniel é CEO e Co-Founder na CRM Educacional, empresa especializada em Captação, Permanência e Fidelização de Alunos para Instituições de Ensino. Faz parte do conselho de Administração da Nerus - ERP para Varejo e da 5Seleto – Agência de Marketing Digital. Atua como Docente em cursos de MBA de Marketing e de Tecnologia da Informação em diversas Faculdades e Universidades no Brasil.

COMPARTILHE:

Outras notícias Mais relevantes Últimos dias